2011-02-08

 

Quando os sonhos se (des)fazem em areia...

Etiquetas:


Comments:
Frágil e volúvel é a areia... Mas... só na aparência...
Cada um dos seus pequenos grãos nada é...
Mas, no conjunto, o livre movimento daquelas pequenas partículas resulta num bailado de mil cores, de mil formas...
Num infindável mar de possibilidades...
De sonhar...
E tocar... além do céu...
 
«Adoramos a perfeição, porque não a podemos ter; repugna-la-íamos, se a tivéssemos. O perfeito é desumano, porque o humano é imperfeito.» - Fernando Pessoa
 
De tudo ficaram três coisas...
A certeza de que estamos a começar...
A certeza de que é preciso continuar...
A certeza de que podemos ser interrompidos
antes de terminar...
Façamos da interrupção um caminho novo...
Da queda, um passo de dança...
Do medo, uma escada...
Do sonho, uma ponte...
Da procura, um encontro!
 
Espectacular!...
Como é possível não chorar?...
 
Mudam as formas, fica a mensagem...
In our hearts!...
 
É esta a essência da vida - a permanente transmutação de uns 'elementos' noutros... bem distintos e simultaneamente tão próximos, na sua natureza e propósito...
 
SOLUTION, WHERE ARE YOU?...
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

eXTReMe Tracker Free counter and web stats
Contador grátis e estatísticas para seu site em www.motigo.com

RSS: Tenha acesso às actualizações do Blog de Informação, clicando aqui ou no í­cone anterior.